Apresentação

O projeto Cidade infundada foi idealizado por Adérito Schneider e Fernanda Marra e está sendo desenvolvido neste ano pandêmico nº 2, também conhecido como 2021, em três etapas: um evento literário, um concurso literário e a produção de um livro inédito de contos ambientados em Goiânia e escritos por autores goianos, entre escritores convidados e vencedores do concurso literário. A temática desta vez é a ficção especulativa. Afinal de contas, em tempos de crise política, econômica, ambiental, sanitária e humanitária, nada mais urgente que especular outras realidades, apontar riscos iminentes e rotas de fuga, sejam elas utópicas ou distópicas. Há espaço para transbordamentos: ficção científica, horror, fantástico, estranho, maravilhoso, insólito e quaisquer outras noções que venham a(va)calhar. Afinal, na ficção as fronteiras são equívocas.

Mais do que fomentar a cena literária goianiense/goiana, o projeto Cidade infundada tem como um de seus objetivos refletir sobre a realidade a partir da ficção, ou seja, buscar compreender um pouco a cidade de Goiânia e expressar pelo viés da arte literária um pouco disso que é ser goianiense. Afinal de contas, tem hora que não tem base não, né fi? E nem sempre dá para pegar reto toda vida e sumir no mapa ou se enfiar no mato. Então, o jeito é imaginar, escrever e compartilhar nossas cidades, mesmo que infundadas, ou a cidade desde nossas perspectivas.

O projeto conta com a participação dos autores convidados Ademir Luiz, André de Leones, Eugênia Fraietta, Fabiane Guimarães, Flávio Carneiro, Jamesson Buarque, José M. Umbelino Filho, Luis Maldonalle, Marcelo Ferraz de Paula, Maria Clara Dunck, Maria José Silveira, Nádia Junqueira, Pedro Novaes, Polly Di, Rafael Saddi, Thaise Monteiro, Wilton Júnior e Yani Rebouças, além dos organizadores Adérito Schneider e Fernanda Marra.

Ademais, convém lembrar que o Cidade infundada é uma continuidade (ou desdobramento) do projeto Cidade sombria, realizado entre os anos de 2017 e 2018 em formato semelhante (evento literário, concurso literário e obra literária) e que gerou um livro com 28 contos inéditos de autores goianos, ambientados na cidade de Goiânia, com a temática do noir como aglutinadora. O livro é uma bela edição em capa dura, com quase 400 páginas e diversas ilustrações de Julio Shimamoto, um dos mais importantes nomes das ilustrações e artes gráficas no Brasil.

O projeto Cidade infundada é uma realização de Ideia de Girino e amar a trama e foi contemplado pelo Edital de Fomento à Literatura do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás 2018, da Secretaria de Cultura (Secult-GO).

AO VIVO

Nossa live terá transmissão ao vivo dentro do nosso site.

Back To Top

O projeto Cidade infundada foi idealizado e é organizado por Adérito Schneider e Fernanda Marra e tem como temática a ficção especulativa.

Social